"Quando o Empresario Vira Arte" titulo assinado por Heloiza Azevedo - Comissaria de Arte, transforma em Série fotografias de Claudio Gatti e a uma projeção internacional dentro do mercado de arte contemporânea.

Heloiza Azevedo - Comissaria de Arte, relata:

 

"O projeto nasceu em 2016, quando Claudio Gatti, fotografo das revistas IstoéDinheiro, Veja e outras me visitou em minha residência no Brasil, interior de São Paulo. Ao ter o primeiro contato com o material de Gatti me emocionei com os relatos de vida sobre o inicio da carreira de cada empresário brasileiro de sucesso envolvido. Deparei-me com situações inusitadas, com bom humor, acompanhadas de ousadia, de estética, beleza e arte, na maioria das vezes destacando os produtos que adentram dia-a-dia à vida de milhões de brasileiros. Na possibilidade de traçar uma trajetoria internacional para Gatti e de mostrar o lado positivo do Brasil, nomeei a Série que seria apresentada como "Quando o Empresario Vira Arte" essa série ficou então predestinada a percorrer vários países sob minha curadoria para que o projeto não se desconfigurasse. Foi um ano de dedicação em cada etapa, noites e dias emendados para formatar com muito cuidado também um livro com o mesmo titulo da série apresentada em forma de exposição e de catalogação. A seleção das fotos tinham de ter um cunho artístico, estético, humano e social, sem deixar que o Glamour tomasse a cena principal nas apresentações, pois não seria o proposito principal da essência curatorial. Além da exposição no Salon International d'Art Contemporain, no Stand da Heclectik-Art Galerie, no Carrousel du Louvre - Paris, em reconhecimento de todo esforço empregado de ambos os lados tanto na inauguração das fotos dentro de uma das maiores vitrines para o mercado internacional de arte contemporânea como no trabalho fotográfico, criativo e expressivo presentes nas fotos de Gatti, presenteei a série com 8 paginas adicionais no GUIDE de Catalogação de Obra de Arte, que anualmente tem uma edição especial e limitada de 1000 exemplares e os mesmos são distribuidos, a galerias, arquitetos, museus, colecionadores e apreciadores de arte. No total foram 12 paginas, com 16 fotos que registrei igualmente no GUIDE como "Quando o Empresario Vira Arte". Agora. foi lançada a semente e cabe ao bom cultivador saber para onde direcionar os seus frutos". Paris, outubro de 2017.

Texto de Heloiza Azevedo -

Comissaria de Arte, Biografa e Membro do Jury de Seleção do Musée Mola de Paris.

Oui Carrousel du Louvre!